Pesquisar este blog

domingo, 8 de fevereiro de 2015

MOSTRA PRA MIM





Imagem virtual madura,
Quanto já te quis!
Pernas, pelos, postura máscula,
Macho delirante poético,
Poeta de poucas letras, muitas palavras, infinitas intenções,
De poucos músculos e muita ousadia,
Por baixo da sunga discreta, esconde-se tua perversidade,
Que me olha sombria, pela trama da lycra escura,
Sei de teu formato intimo,
Sei da força da tua libido,
Sei de cada expressão excitada, no teu rosto,
Teus olhos se apertam, sem deixar de ver
Teus lábios, mordidos lambidos, avermelham-se
Tuas mãos desalinham teus cabelos,
ar de menino brincando,
suado, entrando correndo no quarto...
continuando a brincar...
Conheço-te sem disfarces,
Com os óculos embaçados de suor, caindo do rosto,
Com as mãos inquietas e travessas,
Bem além da pose da foto,
com água na boca, com tesão no olhar,
Lembrando ansiosa, quando me pedia,
salivante, quase suplicante:  - mostra pra mim?!!!

Vera Celms
Licença Creative Commons
MOSTRA PRA MIM de Vera Celms está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário