Pesquisar este blog

domingo, 1 de dezembro de 2013

CEIA DA ÁRVORE






Quatro domingos, antes do Natal, 
(neste ano 01 de dezembro)
É dia de arrumar a arvore,
Bolas, festões, enfeites, luzes,
O algodão, faz a neve,
E o Papai Noel, vestido para o frio,
Enfrenta o calor do Brasil,
Difícil, vir da Lapônia (terras da Finlândia),
Visitar nosso país no verão,
Tanto calorão,
Distribuir presentes,
As todas as crianças
E ficar até janeiro,
Pendurado na árvore...
Boneco de neve, que não derrete...
Difícil para o bom velhinho!
Suando tanto, deve ficar magrinho,
Rudolf, sua rena,
Faz parte dessa cantilena,
Ele é um velhinho legal,
Vai a todos os lares, genial,
E a todos, desde já: FELIZ NATAL !!!



Vera Celms
Licença Creative Commons
CEIA DA ÁRVORE de Vera Celms está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

3 comentários:

  1. muito obrigado minha querida dama dos poemas que o seu natal seja de muita paz , que sua alma dance de prazer e felicidade bjs muitos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maneco, meu adorado amigo poeta... é sempre um prazer que me leia... é sempre um prazer tê-lo por perto... fique sempre... GRANDE BEIJO

      Excluir
  2. Sem palavras, maninha Vera, lindo demaisssssssssss... beijos Manamiloka.

    ResponderExcluir