Pesquisar este blog

domingo, 17 de novembro de 2013

TÃO SÓ





Ali estava eu,
Diante de mim
Reflexões, momentos solitários
Depressões,
De frente com a realidade
A vida parece muito mais cruel
O fim, agora, estava por pouco
Já ameaçava partir a tanto tempo
Só faltava coragem,
Para atravessar o portal
que a qualquer momento se abriria
Todos temos um momento
Decisivo, derradeiro,
Por enquanto, só reflexão
Perdões, arrependimentos, entendimentos,
O momento chegaria,
Por mais que esperemos, é brusco
O momento em que o cordão prateado se rompe
A viagem, a transição,
O frente a frente com a realidade
E ali estava eu,
Diante de mim
Momento tão único
Incomparável, irremediável,
Um passo a frente ou atrás não fará diferença,
O caminho já traçado,
Roteiro inalterável
Ora aqui, ora lá...
E tudo estará definido,
Tudo estará terminado
Ou, enfim, começado...

Vera Celms
Licença Creative Commons
O trabalho TÃO SÓ de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário