Pesquisar este blog

domingo, 14 de abril de 2013

REGRESSO

REGRESSO by amigos do poeta
REGRESSO, a photo by amigos do poeta on Flickr.
REGRESSO
Todos os dias aos
teus olhos eu regresso
regresso devagar
a tudo o que era antes
e que ainda permanece
Na extremidade
de teu silencio
habitável
ANDRE RUIZ

2 comentários:

  1. Voltar ao coração do ser amado, é como voltar para casa depois de um tenebroso inverno fora... belo poema, querido André, beijos de VC

    ResponderExcluir
  2. BELO POEMA ANDRÉ, PARABÉNS, BJS MIL.

    ResponderExcluir