Pesquisar este blog

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

AMOR ABSTRATO















Não sei como explicar
por tão grande abstração
que com muita emoção,
me abala ao coração.
Não importa a distância,
que para nós não há problemas
com a mesma comunicação
nos entendemos com exatidão.
O meu coração está cheio
de amor para te dar
que com sentimentos sadios
nem vejo o tempo passar.
Vivemos com tranquilidade,
por cultivarmos o amor
e conseguimos uma vivência,
repleta de esplendor.
Nosso amor é abstrato
por ser do fundo da alma
e onde quer que estejamos,
sempre mantemos a perfeita
calma...
Amor enraizado nas veias
dos nossos corações,
de maneiras que nem compreendo,
por ser tão seguro e tão amplo...

Autor: Antonio Cícero da Silva(Águia)




2 comentários:

  1. BELÍSSIMA INSPIRAÇÃO, ME ENCANTEI, PARABÉNS QUERIDO POETA, BJS MIL.

    ResponderExcluir
  2. Belo Águia, louvado seja o amor em todas as suas formas... beijos de VC...

    ResponderExcluir