Pesquisar este blog

domingo, 26 de agosto de 2012

DIA DO SOLDADO

DIA DO SOLDADO

MOR

25 de agosto

Marcha soldade de papel
A defender sua terra.
Sua caserna é  quartel
De ti o povo tudo espera.

Hoje teu dia comemora
A festa foi esquecida.
Qual foi a razão da desmora
De uma data querida.

És a razão desta Pátria
Na defesa desta terra.
Numa luta sem paria
Que na caserna impera.

Estás sempre vigilante
Ao som daquela corneta.
Que soa a qualquer instante
Tomas logo a baoneta.

De prontidão a formar
Ostentando sua arma.
Pronto para lutar
Honrando a bela farda.

Defender a Pátria que ama
Lutando até morrer.
Mesmo afogado la lama
Sua terra defender.


São José/SC, 25 de agosto de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário