Pesquisar este blog

domingo, 19 de fevereiro de 2012

AMOR FALICO (um poema HOMOERÓTICO MASCULINO)

AMOR FALICO

Dois corpos
Que se entrelaçam
que se entregam,
roçando pelos,
bocas e apegos,
Dois corpos apaixonados,
Não menos excitados,
que se envolvem,
se encontram e se cruzam
se entregam ao deleite prazer
ao mais profundo querer,
E se pegam,
e se inventam,
dos olhos a mais remota fantasia,
e se dobram
e se devolvem
Visão de tendões e músculos,
De mãos firmes,
de cavalgares sedentos,
de pulsares violentos,
punhos, bocas e frenesi
Dorsos desenhados,
Coxas firmes,
E a libido a escorrer,
e a escorregar entre os dedos,
tomados com bocas,
membros e corpos,
colados, suados e delirantes,
flamejantes, trêmulos,
de paixão,
de tesão,
de prazer,
expressão do puro querer...

Vera Celms

O trabalho AMOR FALICO de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Licença Creative Commons
O trabalho AMOR FALICO de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

5 comentários:

  1. Belo! Intenso! Sensual! Excitante!... cada palavra é uma doce caricia deslizando ardente sobre a pele...

    Beijos,
    AL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido(a) A.S.... adorei seu comentário... obrigado por este carinho... isso muito me incentiva... beijos de VC

      Excluir
  2. Maninha Vera, tiro meu chapéu p/ti!
    Um erótico magnífico, muito sensual e tocante, dentro de uma finesse poética q teu talento se nos oferece de forma notável, ameiiii, bjs Irfã MIL.

    ResponderExcluir
  3. MANINHA MIL... tudo isso??? obrigadíssimo... não sei se mereço, mas agradeço ... muito beijo da IRFÃ VC

    ResponderExcluir
  4. O AMOR FÍSICO É SEMPRE BELO, QUANDO INSPIRADO POR SENTIMENTOS GENUINOS. NADA EXISTE DE ERRADO NA LINGUAGEM AMOROSA DOS CORPOS, DESDE QUE AMBOS ESTEJAM DE ACORDO EM DANÇAR A MESMA CANÇÃO.
    BONITO POEMA, COM HARMONIA, RITMO E MUSICALIDADE EROTICA.

    ResponderExcluir