Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

SÓ DE VOCÊ


A porta está aberta
Não a tranquei quando saiu
Apostei que voltaria
Deixaste em mim seus cheiros todos
Deixaste em mim pensamentos vívidos
Deixaste em mim teu coração,
Bate tanto que não adormeço mais
A porta continua aberta
Te espero acordada
O carinho que me pedires, te darei
As palavras que acariciam teu ego;
Conheço-as todas
Um minuto com você
E levitará de felicidade
Pois minha atenção é tua
Meus pensamentos são teus
Meu corpo arde pelo seu
E clama, chama como um mantra
Entrego-me em oração
Corpo e alma
Eloquente e calma
Pois sei do amor que sinto
Pois sei, que eu sou só de você...

Vera Celms
Licença Creative Commons
O trabalho SÓ DE VOCÊ de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

2 comentários:

  1. Que maravilha maninha Vera, ler um poema de amor tão belo, belo, belíssimoooooo, amei, bjs mana MIL.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado MANINHA MIL... as vezes a veia adocica...rsrsrs... faz bem... beijos de vc

    ResponderExcluir