Pesquisar este blog

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Quando em ti penso / Poema MIL.
























Quando em ti penso 
Olho para trás e percebo 
O quanto estiveste e estás 
Na minha vida, sempre presente 
Nem falo de sofrimento 
 E sim de um amor imenso mesmo 
Do tanto que de ti recebi e recebo 
De tudo que me enviaste e envias 
Dos abraços que nunca faltaram 
E incessantemente me chegam 
Daquela flor em que meus olhos 
Puderam pousar e extasiar-se 
Olhos que me deste 
Faceiros, cheios de vida e ternura 
Mas também muito atentos 
Para não tomar falsos rumos 
E toda esta graça que recebi e recebo 
Torna-me a pessoa mais feliz do mundo 
Quando em ti penso, meu Deus eu sei 
Que posso enfrentar tudo 
Pois sempre estarás comigo 
Quando em ti penso, oh meu Deus 
É apenas para agradecer-te 
Por tudo que me deste 
E a todo instante oferece! 


Maria Iraci Leal_MIL 
POA/RS/Brasi
05/01/2012 
Direitos Reservados

2 comentários:

  1. Olhos que recebemos do destino, coração que bate no peito do outro, segurança, troca, dação e doação... linda essa relação... lindo poema MANINA MIL... beijos da MANA VC

    ResponderExcluir