Pesquisar este blog

sábado, 14 de janeiro de 2012

O enigma da esfinge/Guardiã da pirâmide/Poema MIL.


O enigma da esfinge/Guardiã da pirâmide 

Guardiã dos mistérios do tempo e das eras 
Guardado em sete chaves dentro das pirâmides 
Obras faraônicas construídas na Terra 
Cujo interior hoje se nos revela 
Em matemática de fórmula perfeita 
Dividida em quadrantes que catalisam 
Energia cósmica, energia pura do amor 
A esfinge simboliza o homem comum 
E a sua evolução ao longo das existências 
A busca por elevar sua consciência acima do animal 
Restabelecendo sua conexão cósmica 
Especial é a grande pirâmide de Quéops 
Cujas medidas, consideradas como fórmula 
Para captação da energia pura 
Num momento em que este plano se deteriora 
Pela ação impensada da humanidade 
Mesmo perante as bênçãos do Pai 
Dos ensinamentos doados 
E as religiões ofertadas 
Para crescimento e aprendizado do bem 
Permanece a animalidade destruindo o mundo 
Destruindo a fé e o verdadeiro amor 
Onde cada semelhante é irmão 
Livre para ser e viver, sem o domínio do outro! 
Mas ao final desta década 
Abre-se o grande portal que revelará 
Novos caminhos, novos rumos 
Possibilitando para cada um nova chance 
De se redimir e amar verdadeiramente 
Antes que destruam a obra de Deus 
A si mesmos e ao planeta! 

 Maria Iraci Leal_MIL 
10/01/2012/
POA/RS/Brasil
Música:Sarah Brightman - Nessun Dorma [2001]

Um comentário:

  1. Esfinges e pirâmides, taí um assunto do qual não tenho informações. Ouvi muito falar... aguardemos a abertura do Portal, sentados em nossas boas ações... é o mais justo, o meia reto... lindo poema, MANINHA MIL, beijos de VC

    ResponderExcluir