Pesquisar este blog

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

MULHERES E VINHOS

Mulher madura
Não espere o azedar
Do vinho da vida,
Beba-o enquanto, em essência,
Tem o melhor para te ofertar.

Tomada pela embriaguez do tinto
Retire desse néctar todo teu prazer
No ar espalhe aromas buquês
Revele teu êxtase, deixa-te conhecer.

Estenda tuas noite tingidas
Pois esse é o teu melhor momento
Tempo de plantar amor
Dele, colher paixão
De ambos, o inigualável sabor.


MENDONÇA, Silvia
17/05/2011
[Foto: Web]

2 comentários:

  1. Pura verdade Silvinha... não devemos esperar o vinho da vida azedar... momento certo para todo momento... a madurez da fruta... a madurez da vida...
    "Tempo de plantar amor
    Dele, colher paixão
    De ambos, o inigualável sabor"

    Adorei... delicia de poema... pura fruta...

    ResponderExcluir
  2. Amei! Silvia vc arrasouuuuu...Mulher não tem idade, basta não deixar morrer, o prazer de viver e sentir...bjs MIL.

    ResponderExcluir