Pesquisar este blog

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

OS LUGARES DOS AMANTES


Os lugares são dos amantes,
Mesmo sem alcova  para o amor
Amantes são seres mirabolantes
Ora sentem frio, ora sentem calor.

Pobres amantes que foram despejados
Da casa do amor, amor nenhum,
Vivendo hoje desamparados
Não chegam a lugar algum.

Vivendo hoje abandonados,

Poderão um dia reviver,

Sonhos vivos dos seus passados,

Que nunca irão fenecer.




2 comentários:

  1. Amado amigo Grimoaldo... que prazer ter você e sua poética linda por aqui!!! fique a vontade, a casa é sua também... e quero que se sinta assim...

    Adorei os LUGARES DOA AMANTES, genial!!! os amantes são mesmo seres mirabolantes, dão pirueta no acaso... loucuras deliciosas...
    Amei... beijos de VC

    ResponderExcluir
  2. Poeta Grimoaldo, que prazer termos sua belíssima poética no Buteco.
    Também adorei os "Lugares dos Amantes"
    Feliz Natal!
    Bjs MIL.

    Poderão um dia reviver,

    Sonhos vivos dos seus passados,

    Que nunca irão fenecer.

    ResponderExcluir